Hoje sou da minha família

Hoje sou da minha família, dos meus amores, dos meus irmãos, dos meus amigos, e escrevendo isto, sou como todos os outros, de todos os outros, para todos os outros, sendo ninguém, sou de todo o mundo, procurando o universal pela diferença. É Natal, todos podemos ser homens comuns à procura de Deus e dos deuses.

 

De Barcelos, no jardim de minha mãe.

Comments are closed.