Geopolítica

A população mundial vai atingir os sete mil milhões de pessoas em 2011 e, enquanto o crescimento demográfico médio vai abrandar em todo o mundo, em África vai continuar muito forte, indicou um estudo hoje publicado.

 

Geopoliticamente, depois da divagações de Merkel sobre a matéria, entre as dúvidas sobre o Mediterrâneo, a Europa do Norte e a Europa Central, apenas posso concluir, à Pessoa, que quanto mais à Europa a alma falta, mais minha alma atlântica se exalta. Isto é, sem Londres a mandar e Washington fora do salto ao eixo, estamos tramados.

 

Paris e Berlim sem Londres e o apoio dos norte-americanos nunca conseguirão ser Europa. Foi este o testamento de Jean Monnet.

 

É esta a missão de Portugal.

 

Ajudar a tirar a Europa do eixo.

Comments are closed.